quinta-feira, 2 de julho de 2009

Can't help falling in love


Cada dia que passa....cada semana que passa...tenho mais a certeza do que sinto pelas pessoas que me rodeiam...e ultimamente tive a prova disso , no bom sentido é claro. As vezes não é preciso dizer nada...basta um olhar, um gesto para nos podermos sentirmos realizados. Como falava há uns dias com uma pessoa.....quando nós interessamos por uma pessoa, será que conseguimos dizer que estamos interessados? ou cada vez mais , com os anos a passar , temos receio de admitir? Será medo, receio, que a relação não venha a dar certo, talvez pela experiência passada? Mas depois por um lado como não admitimos,podemos começar a sentir uma solidão ou até mesmo deprimidos....e como é óbvio ninguém quer sentir-se assim. E neste ponto entramos num dilema, onde vem a pergunta : "E Agora? " , "Que fazemos? " . Deixamos as coisas irem ao sabor do vento e o que será será ? Como é óbvio ninguém quer perder a estabilidade da amizade construída ate ao momento pela outra pessoa. Ou tentamos esquecer os sentimentos pela pessoa? mas nunca deixar de ser como somos a quando estamos com a pessoa....
São grandes questões que se levanta e ficamos a pensar nas respostas...

"A verdadeira amizade significa unir muitos corações e corpos num coração e num espírito.
Pitágoras"

"Amizade, casamento de dois seres que não podem dormir juntos.
Jules Renard"



1 comentário:

  1. Não fiques muito tempo a pensar nas respostas porque corres o risco de perder oportunidades. A unica questão que te deves colocar é: vale apena? Quando uma pessoa tem muitas duvidas (questões) é porque certamente não vale apena. Quando somos "atacados" pelo verdadeiro sentimento as questões (duvidas) não se colocam. Parte-se directamente para a luta.

    ResponderEliminar