domingo, 10 de novembro de 2013

Intro

Intro.....Pela palavra diz-se que será o inicio , e que inicio ? Inicio do Fim ? ou será Inicio do começo ?A pergunta fica no ar , mas no meu ponto de vista dá para as duas situações . Tudo é feito por ciclos quer queiramos ou não , uns têm interligações outros não, agora depende de que como queiramos que eles sejam.
Quando falo em que eles têm interligações é porque por alguma coisa estão interligados , seja ela qual for. Noutras situações são situações que por alguma razão seja ela qual for...e cada um terá que fazer a sua escolha/introspecção...., por algum motivo chegou ao fim, e a questão que se coloca e agora, o que fazer ? Como disse no inicio a vida são ciclos por isso há que voltar ao Intro quando ele não tem interligação ao novo ciclo :D porque ficarmos parados no tempo e pensar nos ses não vale a pena, há que seguir em frente, mas como é óbvio qualquer ser humano têm duvidas e receios , mas se não arriscar mais tarde vamos arrepender , e será que é isso que queremos ? Mais vale começar no inicio , é claro que teremos receio , mas a vida é seguir em frente , porque senão daqui a uns anos vamos ver que perdemos oportunidades , talvez já as tenhamos perdido , e não queremos perder ainda mais , por isso mesmo há que "acordar" e dizer estou vivo :D e quero ser feliz e seguir em frente porque mereço
..........


terça-feira, 5 de novembro de 2013

Heartbeats

Nova vida, novo rumo, sim há que seguir em frente......passado já passou , presente é para viver e o futuro há-de vir. Não podemos agarrar ao passado nem ao futuro, porque senão que será do presente. Como é óbvio também há coisas do passado que não se pode esquecer, todos nós somos uns baús andantes que vamos guardando as recordações,mas não podemos estar sempre a ir a elas senão não aproveitamos as coisas simples e lindas que temos ao nosso lado....não saboreamos o ar que respiramos....e sim temos que aproveitar isso ,porque senão quando damos por nós o presente passou a passado e estamos num futuro a perguntar e agora. E por isso mesmo fiquem com esta sitação:

"
When one door closes, another opens; but we often look so long and so regretfully upon the closed door that we do not see the one which has opened for us.